PT
EN

T - Quinta da Terrugem Tinto 2011

Informação Técnica

Castas: 40% Aragonez, 30% Trincadeira e 30% Cabernet Sauvignon
Estágio: 18 meses em barricas de carvalho francês.
Vinificação: Todas as castas são vinificadas separadamente em aço inoxidável com temperatura controlada. Após fermentação o vinho passa 18 meses em barricas novas de carvalho francês de 225 litros. É feita uma seleção criteriosa é feito o lote final do vinho.
Enólogo: Hugo Carvalho
Tipo de solo: Argilo-calcários
Primeira colheira: 1999



História

Iniciou-se a produção em 1999 e repetiu-se em 2001 e 2002. Pretendeu-se produzir um topo de gama do Alentejo com as melhores uvas da Quinta da Terrugem, na região do Alentejo. A letra T simboliza o ícone da Quinta da Terrugem, começando esta por esta letra. Liga-se assim, o vinho à propriedade e cria-se um vinho que demonstra as características do terroir desta quinta. Com 50 hectares de vinha plantada, estão plantadas desde 1992 as castas Aragonez, Trincadeira, Cabernet Sauvignon, Alicante Bouschet, Syrah.
 

Perfil

Em 2008, um ano de seca, decidiu-se voltar a criar um T Quinta da Terrugem pela excelente condição das uvas. Com uma redução de produção, resultaram uvas mais maduras e que deram origem a um vinho mais concentrado. As castas Aragonez e Trincadeira desenvolveram-se de forma saudável e são duas castas que se desenvolvem bem em anos de seca.


Análises

Álcool (%vol.): 14,5%
PH: 3,35
Açúcar Residual: 1,8
Acidez Total(g/I AT): 6,07
SO2 Total (mg/I): 130
Temperatura de Serviço: 16-18ºC



Notas de prova

Cor: Profunda concentração de cor púrpura.
Aroma: Atraente no aroma, onde as notas profundas de frutos maduros, chocolate e alguns fumados lhe conferem complexidade.
Paladar: Na boca apresenta rigor, onde os taninos elegantes e bem enquadrados pela acidez fazem deste vinho cheio de fruta, um vinho poderoso, longo e persistente.
Gastronomia: Ideal para acompanhar com carnes de caça, grelhadas e queijos.

  Partilhar
  Vinhos
Ver Produtor       
Vinhos do Alentejo 2017